Atingidos pelo Minas-Rio realizam protestos em Audiência Pública

Foi realizado no dia 20 de Julho, em Conceição do Mato Dentro-MG, audiência pública para tratar da próxima etapa do projeto Minas-Rio, a qual ficou marcada por protestos ao longo do dia e diversos discursos acalorados dos atingidos, durante toda a audiência.

É preciso destacar que, as manifestações realizadas foram legítimas e totalmente pacíficas, com destaque negativo para alguns episódios, onde uma minoria conceicionense desferiu palavras para rebaixar os envolvidos: “POBRES”, “TROUXAS”, “BABACAS”. Infelizmente, ainda existem seres humanos incapazes de perceberem o sofrimento alheio. São os mesmos que gritaram quando Jesus Cristo ia para a cruz, da mesma forma como esbravejam contra os atingidos em Conceição do Mato Dentro.

É legítimo que o cidadão comum necessite requerer empregos, mas a custo do sangue daqueles que estão sofrendo? Quanto VALE as commodities? VALE o sangue derramado dos conceicionenses simplórios? Que sofre e clama por justiça e vida digna? Vi diversos funcionários da empresa com discursos de vida digna durante a audiência pública, mas e aqueles que estão abaixo da barragem de rejeitos, perdendo noites de sono e sem água de qualidade, esses não merecem uma vida digna?

Precisamos de uma resposta urgente: A Anglo American vai reconhecer os novos atingidos adjacentes ao empreendimento? Quando haverá clareza nos processos de licenciamento? É preciso dar vida digna aos afetados pela mineração, esse processo não pode continuar desta maneira!